Saltar navegação. Ir directamente ao conteúdo principal

Partilhar

  • Youtube
  • RSS

ES

Instituto BBVA de Pensões

Está em:

  1. Inicio
  2. Site
  3. Artigo

A economia preocupa mais do que a saúde perante a reforma

O risco de perda de poder de compra, a saúde e a família estão entre as principais preocupações dos portugueses ao pensar na reforma.
A economia preocupa mais do que a saúde perante a reforma

19 de Novembro de 2013 | 00:00

 Mais de nove em cada dez portugueses estão preocupados com a reforma, e praticamente três quartos estão bastante ou muito preocupados com a chegada desse momento. Essa preocupação concentra-se sobretudo num aspeto, o económico, que lidera a lista de preocupações dos cidadãos no momento de pensar no abandono da vida ativa, superando outras questões como a saúde ou a família.
 
 De facto, e segundo os resultados da sondagem “As pensões e os hábitos de poupança em Portugal”, elaborado pelo BBVA, com base numa amostra de 1.000 pessoas em território nacional, os aspetos económicos relacionados com a reforma, como a perda de poder de compra, são assinalados por mais de seis em cada dez pessoas. Também são motivo de preocupação outras questões relacionadas com o momento da reforma, como a saúde, que preocupa 52% dos entrevistados, enquanto 35% indica a família como fonte de preocupação, em relação à reforma.
 
 No total, a questão económica é consideravelmente superior à segunda em termos de importância, a saúde, resultados que poderão dever-se ao facto de os entrevistados terem entre 18 e 65 anos e ainda não enfrentarem problemas significativos nesta área.
 
Esta tendência é comum em todos os grupos analisados, não existindo diferenças de assinalar.
 

Se gostou deste artigo, receba mais informação através da nossa newsletter

Quero subscrever a newsletter

0 Comentários

Utilize o formulário abaixo para nos dar a sua opinião. O endereço de e-mail é necessário para entrar em contacto consigo.