Saltar navegação. Ir directamente ao conteúdo principal

A MINHA PENSÃO RESPONDE

Está em:

  1. Inicio
  2. Site
  3. Artigo

A economia preocupa mais do que a saúde perante a reforma

O risco de perda de poder de compra, a saúde e a família estão entre as principais preocupações dos portugueses ao pensar na reforma.

Tempo de leitura: 3 minutos

Partilhar

Imprimir
A economia preocupa mais do que a saúde perante a reforma

La economía preocupa más que la salud - Foto Autor: © Fotoedu - www.photaki.es

 Mais de nove em cada dez portugueses estão preocupados com a reforma, e praticamente três quartos estão bastante ou muito preocupados com a chegada desse momento. Essa preocupação concentra-se sobretudo num aspeto, o económico, que lidera a lista de preocupações dos cidadãos no momento de pensar no abandono da vida ativa, superando outras questões como a saúde ou a família.
 
 De facto, e segundo os resultados da sondagem “As pensões e os hábitos de poupança em Portugal”, elaborado pelo BBVA, com base numa amostra de 1.000 pessoas em território nacional, os aspetos económicos relacionados com a reforma, como a perda de poder de compra, são assinalados por mais de seis em cada dez pessoas. Também são motivo de preocupação outras questões relacionadas com o momento da reforma, como a saúde, que preocupa 52% dos entrevistados, enquanto 35% indica a família como fonte de preocupação, em relação à reforma.
 
 No total, a questão económica é consideravelmente superior à segunda em termos de importância, a saúde, resultados que poderão dever-se ao facto de os entrevistados terem entre 18 e 65 anos e ainda não enfrentarem problemas significativos nesta área.
 
Esta tendência é comum em todos os grupos analisados, não existindo diferenças de assinalar.

Se gostou deste artigo, receba mais informação através da nossa newsletter

Quero subscrever a newsletter

Deixe o seu comentário

Utilize o formulário abaixo para nos dar a sua opinião. O endereço de e-mail é necessário para entrar em contacto consigo.

Condições de subscrição do serviço do Boletim/Newsletter

Os dados de natureza pessoal (Nome/e-mail) solicitados, serão tratados em conformidade com a Lei de Proteção de Dados Pessoais e utilizados exclusivamente com a finalidade de subscrição do serviço do Boletim/Newsletter, através do qual o utilizador autoriza o envio de notícias e novidades de interesse sobre as matérias cobertas pelo website.

Os referidos dados pessoais serão incorporados num ficheiro da responsabilidade do Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (Portugal), S. A., que garantirá a sua correta utilização e a sua confidencialidade e salvaguarda, nos termos previstos na Lei n.º 67/98, de 26 de Outubro (Lei de Proteção de Dados).

Política de protecção de dados

Em cumprimento do disposto na Lei n.º 67/98, de 26 de Outubro (Lei de Protecção de Dados Pessoais), que estabelece o direito de informação dos titulares dos dados pessoais, informamos que os dados pessoais fornecidos serão incorporados num ficheiro informático, sob responsabilidade do Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (Portugal), S. A., que garantirá a sua confidencialidade e segurança, com a finalidade exclusiva de subscrições da newsletter “A minha pensão”, através do website http://www.aminhapensao.pt

Poderá alterar ou suprimir o seu consentimento a qualquer momento, sem efeitos retroactivos, mediante comunicação por escrito para a direcção de correio electrónico que figura no final da presente nota.

Poderá exercer o seu direito de acesso, rectificação, cancelamento ou oposição ao tratamento dos seus dados pessoais nos termos estabelecidos na lei, através de contacto escrito com o Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (Portugal), S. A., enquanto responsável pelo tratamento, através do endereço Av. Liberdade 222, 1250-148 Lisboa ou ainda usando o endereço de correio electrónico aminhapensao.pt@bbva.com.

Comentários

Carregando...

Ainda não há comentários